quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Tratamento da Alma...

http://1.bp.blogspot.com/_ha_ekj_Ih0Y/SqliD1F21MI/AAAAAAAAAZQ/5reKnOByS44/s400/mao+estendida.jpg

Quero partilhar com vocês algo que vivi a umas semanas atrás, num momento diante de Jesus Eucarístico.

Aquele dia cheguei ferida ao encontro de Jesus, com uma dor que só de lembrar as lágrimas me vêem aos olhos... prostrei-me diante dele e pedi para que fizesse algo com aquela dor, que aliviasse, levasse ela pra longe de mim... e então ouvi a resposta mais dura e mais linda que pude ouvir durante esses meus anos de caminhada:

"Má, eu não posso aliviar essa dor agora, pois é ela que te fará crescer. Mas saiba que eu estou aqui do seu lado, segurando na tua mão! E cada vez que sentir essa dor doer mais forte, aperte minha mão bem forte, pois isso pode não fazer ela passar, mas acredite, vai torna-la suportável. Espera em mim, com tuas mãos na minha que ao seu tempo a dor vai passar"

Durante um tempo meditei nessa palavra e vi o quanto essa dor tem me ajudado a ser alguem melhor... é uma dor de quem vem sendo curada... Lembrei-me de quando meu pai descobriu que tinha hepatite C e teve de começar um forte tratamento contra a doença. O durante o tratamento seu cabelo ficou bem ralinho, ele deixou de sentir o gosto da comida, ele sentia mais fraco e cansado... mas mesmo com todos os efeitos colaterais que o remédio fazia nele, ele não desanimou, pois sabia que todo aquele sofrimento era para que sua cura acontecesse! Durante todo o tratamento ele trabalhou, dentro de fora de casa, ele nunca deixou a dor daquela lutar vence-lo.

E hoje me vejo na mesma situação que meu pai, não fisicamente, mas espiritualmente estou em tratamento, um tratamento tão duro quanto o dele, pois cada comunhão, cada adoração, cada oração é um remédio que luta contra aquilo que está agindo de forma errada dentro de mim...

Houve uma outra adoração, onde mais uma vez em minha humanidade, pedi a Jesus que aquela dor passa-se, e Jesus me disse: "Má, hoje você esta em processo cirúrgico, e do mesmo modo que um médico não pode abrir um paciente e depois deixa-lo ir embora antes da cirurgia acabar, eu também não posso fechar essa sua ferida, sem que antes tudo esteja no seu devido lugar".

Quis partilhar isso para que você não desista do tratamento, ou da cirurgia que hoje Jesus te oferece... seguir Jesus muitas vezes dói, comunga-lo dói, mas não é como a dor que o mundo nos dá, é uma dor que cura, uma dor que salva! Hoje esse tratamento te causa desconforto para que nunca mais volte a sofrer com isso! Espera em Jesus que ele vai te dar forças para agüentar e crescer nessa dor.

Não desista de seguir a Jesus! Pois hoje ele quis que você lesse esse texto até aqui pra te dizer:

"Lembre-se, que eu não posso fechar a ferida enquanto tudo não estiver aonde deve estar, mas durante essa cirurgia, cada vez que a dor bater a porta, eu estarei ao teu lado segurando tua mão".


"Um coração adorador nunca volta atrás"
(Pe. Roberto José Lettier)


Estou unida a você em cada comunhão!

(Em agradecimento a Ticiane que através de um post no blog dela me ajudou a escrever esse texto ^^)

Sem mais
Marina

5 comentários:

Ticiana Souza disse...

Meu Deus! Que honra!!!
Lindo, profundo, verdadeiro!
É a vida de quem aceitou a aventura de ser de Deus...
De ser melhor... De ser gente de verdade!
Parabéns por não desistir!
Estamos na msm luta, conte comigo!

bj!

Michelle disse...

Meus olhos se encheram de lágrimas.
Também estou/estive passando por uma dessas cirurgias, e tenho certeza que fui curada daquilo que me afastava de Deus.
Ele nos ama e nos quer bem.
Só é preciso que a gente abra nosso coração, nossa vida, nosso espírito para que ele haja e cure nossas feridas.
Como vc disse... que ele CURE, e não apenas feche-as.

Beijos.

Thaisa Kaciany*-* disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Thaisa Kaciany*-* disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Thaisa Kaciany*-* disse...

Como é doloroso passar pelas provações e ter a coragem de
... mesmo sofrendo muito, mesmo estando com a alma em pedacinhos
... seguir Jesus e a cruz,
mas, é confortante saber que não estamos sós e nunca estaremos, pois Ele tbm sofreu como um simples humano e é justamente no sofrimento que Ele se faz verdadeiramente presente
"segurando a nossa mão"!
Lindoooo texto Máh!!
Deus lhe abençoe sempre mais
e lhe dê a Sua sta Paz!
Bjin flor ;)