quarta-feira, 24 de junho de 2009

.
.
.
.
Quando fazemos uma verdadeira experiência com Cristo, começa a doer dentro de nós quando deixamos de fazer sua vontade para prevalecer a nossa... E cada pecado cometido, sentimos dilacerar nosso interior, pois o pecado passa a ser visto como uma traição ao nosso melhor amigo, àquele que deu a vida para que hoje estivéssemos aqui!
.
.
.
.
[...Marininha...]

2 comentários:

Mah disse...

disse tudo... é assim mesmo q me sinto às vezes

= /

Lu disse...

Suas palavras são muito reflexivas e verdadeiras. O pecado nos constrange, mas o nosso consolo é saber que Nosso Melhor Amigo é infinitamente misericordioso. Deus te abençoe! Bjus!